NOVA XAVANTINA

Empresa realiza sondagem de solo em terreno onde será construído o novo fórum de Nova Xavantina

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp


Após 9 meses de conversações entre prefeitura de Nova Xavantina e o Tribunal de Justiça de Mato Grosso, o projeto de construção do novo prédio do Fórum de Nova Xavantina, começa a sair do papel.

Foi realizado hoje, sondagens de solo no terreno das futuras instalações do novo fórum; e segundo o prefeito, é uma das primeiras fases da construção. “Estamos cumprindo mais uma exigência do setor de engenharia e estrutural do TJMT. Estamos fazendo a nossa parte.”, disse João Batista Vaz – Cebola, prefeito de Nova Xavantina em postagem no Facebook.

Segundo Cebola, o mesmo ficou por conta de doar a área e o projeto. “Nós doamos a área que está localizada no Jardim Alvorada, pagamos o projeto e o TJ vai bancar a obra que vai ficar em torno de 9 milhões de reais.”, disse o prefeito.

De acordo com o Cebola, o novo fórum vai ter mais varas do que tem hoje. “Hoje temos a primeira e a segunda vara. E nessas duas varas funcionam a civil e a criminal. A ideia é separar elas: primeira e segunda, cível; e, separar a vara criminal. Será um fórum moderno, amplo e vai atender as demandas por longos anos”, explicou.

Além disso o novo fórum terá espaço para entrada e saídas de presos, sem que as pessoas vejam; sala de menor, acesso lateral único e exclusivos para juízes. “A área é grande e a gente vai deixar um pedaço para acomodar futuramente o ministério público, a defensoria pública.”, revelou.

O prefeito destacou a disposição do desembargador Rui Ramos no sentido de estruturar melhor as comarcas. “Temos observado o perfil empreendedor do presidente e aproveitamos o momento e pedimos atenção especial para Nova Xavantina, já que o prédio da comarca é antigo e hoje requer instalações mais modernas; e, graças a Deus ele (Rui Ramos) abraçou a nossa causa e se Deus quiser, no mais tardar 2019, entregaremos esta obra.", comentou.

O autor da indicação, vereador Eduardo Ribeiro, disse estar feliz com a aceitação do TJ em construir a nova sede do fórum. “Com a nova sede, estaríamos, de fato, proporcionando espaço físico ideal e adequado para funcionalidade das instituições da justiça”, comentou o vereador.

O novo fórum terá uma área de 2.850 metros quadrados de área construída num terreno de 12.120 metros quadrados.

VEJA VÍDEO

Comente abaixo:

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp

FAMOSOS

Últimas Notícias