NOVA XAVANTINA

WhatsApp trabalha em novo aplicativo para Mac baseado no iPhone

COMPARTILHE

WhatsApp terá novo aplicativo para Mac
Unsplash/Alexander Shatov

WhatsApp terá novo aplicativo para Mac

Depois do Windows, o WhatsApp começou a distribuir o seu novo app para macOS. Ainda em fase de testes, a plataforma usa a tecnologia Catalyst, que permite portar aplicativos do iPad para Mac, e garante uma interface mais próxima do iPhone (iOS). As novidades foram reveladas pelo WABetaInfo nesta segunda-feira (11).

A liberação do software no TestFlight dá novos passos ao desenvolvimento do app, que já era observado há alguns meses. Segundo o site, o novo software está sendo construído sob o Catalyst. Assim, a plataforma deixa a arquitetura do Electron da versão final do WhatsApp Desktop de lado e passa a usar os recursos do macOS.

Esta mudança tende a garantir mais desempenho à plataforma. Afinal, o Electron é uma framework para criar aplicativos para desktop usando componentes de aplicações web, resultando em um consumo maior de recursos.

O Catalyst, por sua vez, permite que os desenvolvedores usem um aplicativo de iPad em computadores da Apple, como é o caso do app oficial do Twitter. Assim, os softwares tendem a gastar menos RAM e CPU durante o uso.

Novo app do WhatsApp para Mac é mais rápido

E a diferença é sentida logo de cara. Durante os meus testes nesta terça-feira (12), mesmo na versão experimental, o app carregou muito mais rápido do que a versão estável do WhatsApp Desktop em um MacBook Air com Apple M1. O aplicativo sequer apresentou as telas iniciais para informar que estava “Conectando” e “Baixando mensagens” ao ser reaberto após o login via QR Code.

As diferenças também aparecem no design, que é muito mais próximo da linguagem visual do macOS, iPadOS e iOS. A começar pelo menu lateral, que agrega as seguintes opções: “Conversas”, “Chamadas”, “Arquivadas”, “Favoritas” e “Configurações” – o app ainda não oferece suporte ao Status. A barra vertical também pode ser ocultada.

A seção de configurações também é mais completa. Por exemplo, é possível escolher se as mídias e arquivos recebidos serão automaticamente salvos na pasta Downloads do macOS. O novo aplicativo também oferece opções para alterar as definições do WhatsApp Pagamentos e alinhar o uso de dados e armazenamento.

Porém, app ainda está incompleto

Durante o uso, consegui responder mensagens normalmente, assim como recebi fotos. Mas nem todos os recursos estão disponíveis: é o caso das chamadas de vídeo em grupo e o acesso aos stickers guardados no celular – mas você pode salvá-los normalmente. Também não encontrei uma opção para criar listas de transmissão.

Além disso, há alguns bugs na plataforma. Por exemplo, ao clicar em “Favoritas” no menu lateral, o app para de funcionar em alguns momentos. A interface também traz algumas inconsistências no visual, como ícones mal posicionados e textos desalinhados, indicando que ainda há muito o que melhorar até o lançamento final.

Ah, claro, o ícone do app também está dourado, e não verde. Afinal, ainda não é a versão estável. Portanto, por mais funcional que esteja para as tarefas básicas, é melhor aguardar a estreia da nova plataforma para macOS para usá-lo no dia a dia.

E te dou um motivo muito plausível para isso: estava tudo funcionando perfeitamente. Mas, do nada, o app só voltou a funcionar depois que tentei reabri-lo quase dez vezes. A data de lançamento ainda é um mistério.

Fonte: IG TECNOLOGIA

Comente abaixo:

COMPARTILHE

FAMOSOS

Últimas Notícias