NOVA XAVANTINA

Homem confessa que matou e enterrou namorada no quintal de casa

COMPARTILHE

O homem que foi preso suspeito de matar e enterrar o corpo da jovem Christiane Ferreira Senger, de 22 anos, confirmou à Polícia que cometeu o crime.
 
A vítima estava desaparecida desde o dia 24 deste mês. O corpo dela foi encontrado na última terça-feira (28), na cidade de Campo Verde (132 km de Cuiabá). Ela estava enterrada a 1,5 metro de profundidade em um buraco cavado no fundo da residência de Juvenil Rodrigues Caetano, de 43 anos. 
 
Conforme informações do delegado Philipe Pinho, a jovem tinha um relacionamento com Juvenil. No dia do desaparecimento, denúncias anônimas foram feitas à Polícia, informando que na casa de Juvenil estava acontecendo uma briga e era possível ouvir gritos de uma mulher.  
 
O sumiço da vítima foi comunicado à Polícia Civil pela família na segunda-feira (27). Isso levou o início das investigações. Informações obtidas pela Polícia relevaram que Christiane tinha combinado um encontro com Juvenil.
 
Ele, por sua vez, chegou a se apresentar na delegacia da cidade com um advogado para negar envolvimento no desaparecimento da jovem. No entanto, o delegado cobrou uma vistoria na casa dele.
 
No local foi encontrado marcas de sangue e uma terra fofa, que deu indícios de que poderia existir um buraco. Com as evidências, conforme o delegado, o suspeito foi indagado e confessou o crime.
 
De acordo com o Juvenil, ambos estavam discutindo quando ele a empurrou e ela caiu, bateu a cabeça e morreu. Mas o delegado afirmou que só os exames da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) vão provar como Christiane foi morta, já que o corpo dela foi encontrado em avançado estado de decomposição.
 
O assassino segue preso pela morte e a ocultação do cadáver da jovem. O delegado encaminhou à Justiça uma representação e o Judiciário decidirá se manterá ou não o criminoso preso.

Fonte: Araguaia Noticia

Comente abaixo:

COMPARTILHE

FAMOSOS

Últimas Notícias