NOVA XAVANTINA

Professor indígena morre após comer tapioca; amigos passam mal

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp

Após ficar internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) na cidade de Tangará da Serra – MT, faleceu nesta quarta-feira (22), o professor de Educação Física da Aldeia Fontoura, localizada na Ilha do Bananal – TO, José Gomes de Melo, conhecido como professor Tapera, de 58 anos, vítima de um suposto envenenamento, após ingerir uma tapioca. Além de José, Hakotxi Karaja e sua companheira Kurixama, consumiram o mesmo alimento, compartilhado com seu cachorro de estimação, e ambos não morreram.

De acordo com parentes, a tapioca foi preparada por uma mulher de 63 anos. Após comer a tapioca, os três começaram a sentir mal-estar, com fortes dores no estomago e tontura, todos foram levados para o Hospital Regional de São Félix do Araguaia, sendo que, José Gomes precisou ser transferido urgentemente para uma UTI.

Ainda de acordo com os parentes, a tapioca supostamente envenenada foi comprada em um Supermercado na cidade de Luciara – MT. A tapioca foi recheada de carne e guardada, na noite anterior.

Segundo informações, foi recolhido pelas autoridades uma das tapiocas. O caso está sendo investigado pela Polícia Judiciária Civil.

Comente abaixo:

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp

FAMOSOS

Últimas Notícias