NOVA XAVANTINA

“Minha filha trabalha na prefeitura por mérito dela”, desabafa vereador de Nova Xavantina

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp


Desabafo aconteceu após o vereador Elias Bueno entrar com requerimento junto ao município pedindo informações sobre nepotismo

O vereador Paulo Cesar Trindade (Cezinha), desabafou na Sessão da Câmara desta segunda-feira (24) após ser rechaçado em um grupo de WhatsApp a respeito da contratação de sua filha como assistente da Procuradoria Geral do município.

Tudo teria acontecido após o vereador Elias Bueno entrar com um pedido de requerimento pedindo informações sobre a existência de Nepotismo e Nepotismo Cruzado no seio da administração pública.

Cezinha disse que sua filha é formada em direito e tem carteira da OAB; e, quando o município disponibilizou uma vaga de assistente jurídica da Procuradoria Geral, sua filha enviou currículo para ser avaliada.

“Eu não pedi para contratar minha filha. Ela foi escolhida pelos méritos dela. Apareceram vários candidatos disputando esta vaga, e o currículo dela foi o escolhido sem nenhum influencia da minha pessoa; pois, eu não faço esse tipo de coisa e acredito que o prefeito Cebola também não aceita esse tipo de conduta.”, explicou o vereador.

Segundo Cezinha, se a contratação de sua filha fugiu da ética, da moral, do direito e da transparência, ele mesmo pedirá que ela se demita.

“É o primeiro trabalho dela depois da formatura. Foram 5 anos indo e voltando de ônibus para Barra do Garças. E mesmo assim, se tiver alguma irregularidade dela estar trabalhando na prefeitura, quem vai pedir para ela se afastar do serviço, sou eu! Quero pedir meus colegas que votem favorável a este requerimento para que seja aprovado e posteriormente seja investigado se a contração dela é irregular”, desabafou.

Elias Bueno usou da palavra e pediu que fosse lido novamente o requerimento, onde constatou que o documento não se dirigia a filha do vereador Cezinha; mas, em sentido global.

Contratação

Em entrevista ao NX1, a Procuradora Geral do Município, Dra. Bruna Toledo, disse que na época, quem era para ser contratada era outra advogada; no entanto, na entrevista, a mesma acabou desistindo por não querer abandonar seus processos que estavam em andamento.

“Na época, a Dra. Emilia que estava exercendo a função de procuradora; pois, eu estava de licença; porém, posso assegurar que não houve nenhuma interferência nem do prefeito Cebola e nem do vereador Cezinha para a contratação. Na verdade, ela que correu atrás do serviço.”, explicou Dra Bruna.

Elogios

Também em entrevista ao NX1, o Auditor Público Municipal, Welton Magnone, disse que a assistente é uma excelente profissional. Magnone disse que é ela é muito inteligente e está se saindo muito bem.

Dra. Bruna Toledo também não poupou elogios. “Ela é dedicada, é uma gracinha. É ética e o trabalho dela é ótimo. Não tenho nada a reclamar.”, elogiou.

Comente abaixo:

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp

FAMOSOS

Últimas Notícias