NOVA XAVANTINA

Cebola participa de reunião com Ministro da Agricultura visando a reabertura da Planta Frigorífica de NX

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp


O prefeito de Nova Xavantina João Batista Vaz, o Cebola, participou de uma reunião em Brasília com o ministro da agricultura Blairo Maggi, para discutir a possibilidade de reabertura da planta frigorífica fechada há cerca de dois anos em Nova Xavantina. A reunião marcou a continuidade do diálogo entre o ministério e prefeitos na luta pela reabertura dos Frigoríficos fechados na região Oeste.  

De acordo com o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, há possibilidade da reabertura de quatro plantas frigoríficas nos municípios de Mirassol d'Oeste, Nova Xavantina, Brasnorte e Vila Bela da Santíssima Trindade. "É uma possibilidade. Ainda não tem nada definitivo. Mas vamos trabalhar para que isso aconteça. Afinal, o maior rebanho bovino do Brasil está em Mato Grosso", afirmou Blairo. 

O ministro disse ainda que está promovendo conversas com representantes dos frigoríficos e que não há possibilidade de que as coisas continuem como estão. "Se não querem operar na região, arrendem o frigorífico, vendam, deixem que o mercado funcione mais aberto. Da forma como está, fica muito evidente que há um controle, quase um cartel na região e isso é muito ruim para a economia mato-grossense", ressaltou.

Para o deputado Baiano Filho, que faz parte da comissão da CPI dos Frigoríficos e estava acompanhando Cebola, a reabertura das quatro plantas frigoríficas irá impulsionar a geração de emprego e a economia da região. “A importância da reabertura dessas plantas vai muito além da livre concorrência e o principal benefício é a geração de empregos nesses municípios. Os números obtidos pela Comissão até o momento indicam para viabilidade da reabertura de pelo menos quatro plantas e um dos reflexos positivos será a oferta de mais de três mil empregos diretos e mais de dois mil indiretos.”, explica.

Baiano destacou a luta do Ministro da Agricultura em prol dessa demanda. “Minha admiração, meu respeito e agradecimento ao grande Blairo Maggi, que na condição de ministro está fazendo ainda mais pelo nosso estado e pelo Brasil. Não tenho dúvidas de que, vamos avançar nos projetos voltados ao desenvolvimento da região Araguaia”, pontuou Baiano Filho.

O prefeito Cebola recebeu a notícia com alegria e cautela. “Estou muito feliz com o que ouvi do Ministro Blairo Maggi. Existe uma grande possibilidade do frigorífico voltar a funcionar ainda neste semestre. Mas não podemos ter ainda uma certeza concreta. Ainda é uma possibilidade. Vamos aguardar”, disse.

A planta frigorífica de Nova Xavantina está desativada desde o dia 28 de maio de 2015; onde, em nota, o Grupo Marfrig suspendeu as operações do frigorífico, como uma "necessidade de adequar o quadro funcional da planta de Nova Xavantina com base em estudos mercadológicos que estão sendo realizados". 

Além de Cebola, participaram da reunião representante dos municípios de Araputanga, Curvelândia, Figueirópolis D Oeste, Glória D Oeste, Indiavaí, Jauru, Lambari D Oeste, Mirassol D Oeste, Porto Esperidião, Reserva do Cabaçal, Rio Branco, Salto do Céu, São José dos Quatro Marcos e Cáceres, Pontes e Lacerda, Vila Bela da Santíssima Trindade, Nova Lacerda, Rondolândia, Conquista D Oeste, Comodoro, Campos de Júlio, Vale São Domingos, São José do Rio Claro, e Brasnorte. 

Liberação de R$ 1 milhão

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) anunciou ainda que irá liberar R$ 1 milhão, dentro do programa Agro+ Produtor, para a região Oeste de Mato Grosso. O recurso é voltado para a prestação de assistência técnica aos pequenos produtores de leite da região que foram afetados pelo fechamento de três plantas frigoríficas. 

Comente abaixo:

COMPARTILHE

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on whatsapp

FAMOSOS

Últimas Notícias